• Ana Carolina Branco

Mobilize-se pela mobilidade urbana: Poços e o transporte público

Quanto o transporte público é útil e necessário em sua vida? Mesmo que você não dependa de um ônibus para se locomover rotineiramente, é inegável a importância dessa forma de locomoção para uma cidade. São os ônibus que conduzem ao trabalho, à escola, ao hospital, ao centro e até às opções de lazer.


Um dos pilares para uma cidade ser considerada desenvolvida é a usabilidade do transporte coletivo. Ele deve ser seguro, amplo e acessível. Com mais pessoas utilizando os transportes coletivos e abandonando os veículos pessoais, a cidade, como um todo, sai ganhando. Isso representa deslocar mais pessoas, com menor custo, gerando menos impacto no meio ambiente, ocasionando um menor trânsito e, consequentemente, maior rapidez para se alcançar um destino. Por essas e outras inúmeras razões, é necessário debatermos sobre o assunto e, mais do que isso, opinar ativamente dentro de nossa realidade.


Em Poços de Caldas, o serviço de transporte público, por meio de ônibus, é fornecido exclusivamente pela Circullare, empresa essa que iniciou as atividades na cidade em 1949 e estendeu sua atuação em 1985. Independente da opinião individual sobre a qualidade dos serviços prestados, o fato de haver uma única empresa cuidando do transporte não é saudável, por ocasionar uma atuação de monopólio (exploração de um setor sem concorrência). Quanto maior a gama de alternativas, maiores as vantagens para o consumidor, nesse caso, nós, toda a população de Poços de Caldas. Ter apenas uma opção para escolher, significa estar refém do serviço prestado, sem possibilidades de questionamentos e sem vislumbres de melhorias efetivas.



#Enxergandocompalavras: ônibus da Circullare estacionado no terminal e mulher, de costas, embarcando. Foto: Reprodução EPTV


Ainda, a tarifa cobrada pode não ser condizente com o porte da cidade. No início do mês, a empresa recebeu uma intimação para reduzir a tarifa em R$ 0,31, por 145 dias, em razão de uma ação movida pelo Ministério Público que constatou irregularidades no reajuste concedido pela prefeitura em julho de 2011. Entretanto, a Circullare conseguiu um recurso para adiar a decisão. Uma audiência de conciliação foi marcada entre o Ministério Público, a empresa e a Prefeitura, que deve ocorrer nessa sexta-feira (dia 6).


Por hora, devemos aguardar a audiência para ver se o reajuste irá ou não ocorrer. Entretanto, uma boa notícia pode alterar os rumos futuros da cidade, nesse sentido. Ainda no final de 2019, uma licitação será aberta para definir qual empresa terá concessão para explorar o transporte público municipal nos próximos anos. Ou seja, empresas de todo o Brasil podem se inscrever e, com isso, há a chance dos serviços melhorarem. Além disso, a população pode colaborar com o assunto dando sugestões por meio do aplicativo eOuve.



#Enxergandocompalavras: computador e celular exibindo o aplicativo eOuve, com sua interface e opções de navegação.

Para dar sua sugestão é bem simples. Basta seguir os passos:

- Baixar o aplicativo (clique aqui para Android e aqui para Apple)

- Fazer um cadastro com informações pessoais

- Selecionar a cidade de Poços de Caldas

- Selecionar a aba de Transporte Público

- Deixar sua sugestão, reclamação ou opinião sobre o assunto

Mas atenção, as sugestões devem ser feitas até o dia 10/09.


Sabemos que Poços de Caldas tem crescido em termos populacionais a cada ano, logo, esse assunto nunca foi tão necessário ser revisto. Não deixe de opinar para ser parte da cidade que queremos construir.


Ana Carolina Branco é publicitária na vida de gente adulta. Como vegana e feminista, sonha e luta por um mundo melhor, livre de todas as formas de opressão. É uma otimista incurável e amante de boas prosas.

26 visualizações

© 2019 por Coletivo Paralelas. Poços de Caldas - MG.

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon